Ministro diz que setor agrícola pode precisar de crédito especial devido à greve

Brasília – O Ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi participa do PAINEL DE ALTO NÍVEL 9 – ÁGUA PARA A AGRICULTURA E A PRODUÇÃO DE ALIMENTOS (José Cruz/Agência Brasil)

O ministro da Agricultura, Blairo Maggi, afirmou nesta terça-feira que é possível que os produtores de proteína animal precisem de linhas de crédito especiais para se recuperar das perdas causadas pela paralisação dos caminhoneiros, que está em andamento desde o dia 21 de maio.

O plantel, citado pelo ministro, é nome técnico para o grupo de animais selecionados pela qualidade. Blairo Maggi comentou o assunto durante a abertura do Fórum de Investimentos Brasil 2018, em São Paulo. Segundo ele, o setor menos afetado foi o de grãos.

Na Câmara dos Deputados, a Frente Parlamentar de Agricultura se reuniu com diversos setores da agropecuária. O deputado Nilson Leitão, do PSDB, afirmou que a isenção do PIS/Cofins sobre o diesel já tinha sido aprovada pelo Congresso e vetada pelo Executivo em 2015.

A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil estima que o prejuízo dos produtores rurais em valor bruto da produção, chegue a 6 bilhões e 600 mil reais.

Fonte: EBC