Caiu, no país, a taxa de mortalidade por Aids.

Foto: Google Imagens

Caiu, no país, a taxa de mortalidade por Aids.

De acordo com balanço divulgado pelo Ministério da Saúde, o índice passou de 5,7 mortes por 100 mil habitantes em 2014 para 4,8 mortes no ano passado.

A melhora no índice é atribuída à ampliação do acesso à testagem e a redução do tempo entre o diagnóstico e o início do tratamento da doença.

Os números oficiais mostram também que, entre 1980 e junho deste ano, foram registrados, aqui no Brasil, 926 mil, 742 casos de Aids, uma média de 40 mil novos casos por ano.

A estimativa é que, no ano passado, o Brasil tinha 866 mil pessoas com HIV, sendo 559 mil homens e 307 mil mulheres.

Desse total, 84%, ou 731 mil pessoas, já estavam diagnosticadas.

Lembrando que o tratamento para o paciente com o vírus HIV é oferecido pelo Sistema Único de Saúde – é totalmente sem custos.

Fonte: Rádio2